26.1.06

Para que servem os preços de tabela

Quem acompanhasse o mercado publicitário português apenas pela leitura de notícias como as que saem no Meios e Publicidade não teria dúvidas de que estamos numa fase de crescimento a velocidades mais que chinesas. De 2004 para 2005, diz o jornal, o investimento total em meios cresceu 21,6% - a preços de tabela. Em televisão, o crescimento – sempre a preços de tabela – foi de 31,2%.A imprensa, mais modesta, cresceu apenas 3,9% face a 2004 (mas isso, a preços de tabela). Na publicidade exterior, 13,2% de crescimento. Até o cinema, primo pobre do investimento em meios, conseguiu crescer 2,1%. A preços de tabela, entenda-se.

E se tirássemos a ressalva, em que é que ficávamos?

3 comentários:

Consumering disse...

Há anunciantes que compram "desconto" e ficam todos contentes quando obtém descontos "grandes". É para essa malta que existe o preço de tabela!

Azenhas disse...

..segundo o que julgo saber, e isto porque perguntei, o investimento o ano passado cresceu 1,3%.
Abaixo da inflação, portanto.

Um abraço,

mendes disse...

O Preço de Tabela é para os DG's poderem fazer os objectivos comerciais e depois poderem partir a cabeça quando a facturação fica "baixinha".