17.9.05

Amor e comércio

Interroga o nosso "persuasor mascarado", num comentário aqui deixado:

"A questão para mim parece-me outra, e eu não a coloquei da forma mais explícita: existe uma correlação directa entre ser-se o mais lembrado, o mais amado ... e o mais comprado?"

Tanto quanto se sabe, a resposta é sim.

3 comentários:

Consumering disse...

Este tema (interessante) só é possível se alguém confundir "notoriedade" com "pensamento". Certamente é possível ser o mais lembrado sem ser quem mais vende: Basta ser lembrado pelas más razões. Mas isso não qualifica com ser líder em pensamento. Se alguma marca é lembrada por coisas que não representam vendas então é lembrança inutil, lixo, quando muito reciclável.
Ainda por cima estes casos são raros porque o consumidor (minds are lazy) raramente dedica atenção superfula a uma marca. Logo quando se lembra de algo, lembra do que lhe interessa, que é: "marca a comprar/não comprar" pelo que o João tem razão. Se é a mais "amada" quase sempre será a mais comprada.

hidden persuader disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
hidden persuader disse...

Eu tenho uma ideia (quase factual) de que os consumidores só se lembram >> pensam nas marcas, quando: 1) A mensagem é o do interesse do consumidor (isto é uma tautologia, mas por isso é que a marcas devem segmentar o seu público-alvo e não tentar ser muitas coisas para todos ao mesmo tempo) 2) A forma como comunicam e interagem com o público é de tal maneira relevante ou diferenciadora, que os faz falar e ter um tema de conversa, por ex: "ah os miudos do ecoponto são adoráveis", "aquele jingle reggae da TMN ficou-me no ouvido", etc. (aqui, perdoem-me mas obviamente falo da marcas com as quais trabalho) 3) Quando têm que fazer uma compra dentro de uma dada categoria de produto/serviço, o que obriga o consumidor a pensar e a fazer um short-list mental de que marcas se lembra (o que representam, as suas USP's, as suas mensagens e beneficíos) de modo a poder comparar, escolher e decidir a sua compra final.